Banner

Estadual

MPF denuncia dez pessoas por corrupção no Dnit/RN

Imprimir
PDF

A denúncia contra 10 pessoas acusadas de formação de quadrilha, peculato, corrupção ativa e passiva, além de crime contra a lei de licitações foi apresentada oficialmente pelo Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) à Justiça Federal. Entre os denunciados estão servidores do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e pessoas relacionadas ao Consórcio Constran/Queiroz Galvão/Construcap.

Em novembro passado, sete dos 10 acusados foram presos, quando a Polícia Federal deflagrou a chamada Operação Via Ápia, mas atualmente esses encontram-se em liberdade.

Os envolvidos são acusados de cometer uma série de irregularidades na execução da obra de duplicação da BR 101, mais precisamente no Lote 2, trecho entre os estados do Rio Grande do Norte e da Paraíba. As investigações se iniciaram a partir de fiscalizações realizadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Dentre as irregularidades apontadas estão a má execução do serviço, fiscalização omissa, prorrogação indevida de prazos, falta de responsabilização do consórcio executor pela lentidão da obra, avanço desproporcional das etapas de serviço e liberação de trecho da rodovia sem a licença de operação.

Com informações da Tribuna do Norte

banner_odontopremium

Comentários (0)

UERN publica edital para pós-graduação em educação

Imprimir
PDF

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Educação (POSEDUC) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), tornou público, o Edital para o processo seletivo para candidatos a alunos especiais para o semestre 2011.2.

Poderão se inscrever: portadores de diplomas de graduação de Licenciatura em Pedagogia e outras Licenciaturas; portadores de diplomas de áreas afins; e graduandos que estejam cursando o último semestre do curso. Os candidatos poderão se inscrever em duas disciplinas, no máximo.

Clique aqui para baixar o edital.

banner_carloschagas

Comentários (0)

Dilma anuncia campus da UFERSA e Institutos Tecnológicos para o RN

Imprimir
PDF

O Estado do Rio Grande do Norte foi incluído no Programa de Expansão do ensino superior e tecnológico lançado ontem, pela presidente Dilma Rousseff. O Estado ganha o campus da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) e Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia para os municípios de Canguaretama, Ceará-Mirim e São Paulo do Potengi. Além deles, o RN está na lista das escolas de educação profissional em construção, com o município de São Gonçalo.

O campus de Pau dos Ferros será concluído até o ano que vem. Já as novas unidades de educação profissional vão estar prontas entre 2013-2014, conforme previsão do Ministério da Educação.

Na solenidade de lançamento, a Presidenta assinou o Projeto de Lei que será encaminhado ao Congresso Nacional, criando cargos para as novas instituições. O reitor da UFERSA, Josivan Barbosa, que participou da solenidade em Brasília, acredita que ate o fim do ano, a instituição vai promover concurso público para professor e pessoal administrativo.

Banner_EdipioNatan_484x68px

Comentários (0)

RN perde a liderança em leilões eólicos

Imprimir
PDF

O Rio Grande do Norte foi o estado com o menor número de projetos de geração de energia eólica emplacados no leilão federal realizado ontem, amargando um último lugar inédito num certame envolvendo essa fonte de energia e contrariando, com o desempenho, todas as expectativas dentro e fora do estado. O leilão foi o primeiro de dois programados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para este mês. O segundo será realizado hoje. A queda nos preços durante a disputa ajudou a afugentar os investidores.

Ao todo, o RN habilitou 75 projetos de parques eólicos para os dois leilões - parques eólicos são aqueles que geram energia a partir do vento - mas só conseguiu comercializar dois no primeiro dia de disputa, ficando atrás do Rio Grande do Sul (com 21), da Bahia, do Ceará, de Pernambuco e do Piauí, nesta ordem.

Embora o número total de projetos que participaram no primeiro dia não tenha sido oficialmente divulgado ainda, a expectativa era que, já na largada, o estado assumisse a dianteira do processo, como aconteceu em 2009 e 2010, anos em que sagrou-se líder.

Mais uma perda para nosso Estado.

Banner_EdipioNatan_484x68px

Comentários (0)

Economia desacelera e cai ritmo de contratações no RN

Imprimir
PDF

Seguindo movimento registrado em outras áreas da economia, o segmento registrou queda na geração de empregos formais em julho de 2011 no Rio Grande do Norte em comparação com o mesmo período de 2010 e 2009. Mas não foi o único a puxar o freio de mão. A economia potiguar, como um todo, dá sinais de desaceleração. E o número de empregos gerados no mês passado e no ano é prova disso.

Se considerado apenas o mês de julho, foram abertos 1.293 postos de trabalho com carteira assinada no estado, considerando todos os setores da economia. Em julho de 2010, foram 3.078. Em julho de 2009, 2.899. O resultado registrado no mês, em 2011, é o pior desde 2005, segundo o Ministério do Trabalho. O desempenho do estado nos primeiros sete meses do ano também ficou abaixo do esperado.

Entre janeiro e julho de 2011, o RN gerou 242 empregos formais (incluindo as informações declaradas fora do prazo) - número 46 vezes menor que o registrado no mesmo período do ano passado, quando criou 11.266 postos de trabalho formais.

autoescolar3a1banner

Comentários (0)