Tendência do PR é deixar base do Governo Rosalba

Política Acessos: 567
Enviar pelo Whatsapp

Embora a reunião do PR para discutir se mantém a aliança com o Governo Rosalba Ciarlini esteja marcada para apenas o dia 22 de novembro, na prática, o rompimento já está definido. A executiva estadual do partido, liderado pelo deputado federal João Maia, deverá deixar a bancada governista. O deputado estadual George Soares, vice-presidente estadual da legenda, disse que a reunião do dia 22 deverá reunir todos os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores da legenda. A partir dos representantes dos núcleos regionais da legenda o PR adotará o posicionamento.

"Analisando todo o período que o PR ficou no Governo e vimos que passou a impressão de que ele (o Governo) não quer ser ajudado. O nosso partido tem uma capilaridade no Estado todo, prefeitos importantes, mas nunca foi consultado", comentou o deputado. George Soares ressaltou que nunca teve qualquer participação no Governo. "O Governo criou uma situação dentro do partido. Mas vamos concretizar (a saída) apenas depois de ouvirmos todos os prefeitos e vereadores", destacou George Soares. O deputado reclamou que não teve emenda liberada pelo Executivo. "Nenhuma emenda foi liberdada e o Governo não tem chamado os deputados para ver a possibilidade do que pode ou não pode", disse o deputado.

Com informações da Tribuna do Norte

{BANNER}

Imprimir

Artigos semelhantes