Banner

Estadual

Festa do Dia das Crianças é celebrada em Felipe Guerra com diversão

Imprimir
PDF

Comemorao_do_Dia_das_Crianas_em_Felipe_Guerra.Foto.Noberto_Andrade_1

Uma verdadeira manhã de contentamento, lazer e brincadeiras foram oferecidas as crianças e adolescentes do município de Felipe Guerra, nesta manhã de sábado (12) em comemoração ao Dia das Crianças.A programação começou cedo no Espaço Olho d'água, com recreação e apresentação de personagens da turma da Mônica e outros personagens infantis, na comunidade do Sítio Brejo, zona rural de Felipe Guerra.

A data festiva foi celebrada graças ao governo municipal de Felipe Guerra, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e em parceria com o projeto Abelhar, responsável pelas apresentações artísticas e culturais.Para a secretária Municipal de Assistência Social, Fátima Motta disse que a celebração da comemoração ao Dia das Crianças, além de ter ocorrido tudo muito bem, houve uma grande participação e integração dos pais e mães.

Prestigiando o evento, o Prefeito Municipal de Felipe Guerra, Haroldo Ferreira esteve acompanhado da primeira-dama, secretária de Saúde, Girlene Ferreira, vice-prefeito Salomão Gomes e sua esposa, professora Fátima Silva, chefe do gabinete civil, Gilvandro Fernandes, secretários municipais Maria das Neves Leite (Educação), Diniz Benevides (Tributação), Luiz Agnaldo (Desenvolvimento Econômico, Turismo e Eventos),vereador Jânio Barra e marcando presença como convidado especial o empresário Neuzo Leite.

DOAÇÃO DE TERRENO-No decorrer da realização da celebração ao Dia da Criança, aconteceu a entrega oficial da escritura pública da doação de terreno por parte da Prefeitura Municipal de Felipe Guerra ao projeto Abelhar.Representando o projeto Abelhar, o presidente Magno Eliton recebeu das mãos do Prefeito de Felipe Guerra, Haroldo Ferreira a escritura pública de doação do terreno para a construção da sede do grupo Arte-é-ria Teatro e Dança.

Magno Eliton esteve agradecendo o apoio por parte do governo municipal de Felipe Guerra, na pessoa do Prefeito Haroldo Ferreira, enaltecendo a parceria entre as secretarias municipais de Assistência Social e Saúde.Durantes as falas foram destacados os apoiadores do projeto Abelhar,entre eles,os Postos Olinda,contando com a presença do diretor-presidente,empresário Manoel de Souza Leite,mais conhecido como Neuzo Leite.

Já a coordenação pedagógica, apresentação e direção de cerimonialista Ducivan Fernandes estava na animando dos presentes com a realização das apresentações das atrações da festa celebrativa.Ao fazer a entrega da escritura pública da doação do terreno, o Prefeito Haroldo Ferreira fez relato da luta por parte dos membros do projeto Abelhar para ter a sua sede própria.

Falou o gestor Haroldo Ferreira que um dos principais passos foi dado para que o sonho da sede já está com um longo caminho percorrido e mais próximo da sua realização,tratando-se do terreno.

O terreno doado pela Prefeitura Municipal de Felipe Guerra foi aprovado pela Câmara Municipal de Felipe Guerra e haverá de ser construído no conjunto Maria de Lourdes,zona urbana do município de Felipe

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)

Orquestra Sinfônica do RN dedica concerto de outubro ao público infantil

Imprimir
PDF

Concerto_Especial_Dia_das_Crianas_-_OSRN

Uma viagem ao universo infantil através da música erudita! Essa é a proposta da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte - OSRN para o VII Concerto Oficial da temporada do projeto Movimento Sinfônico, marcado para o próximo domingo, 13 de outubro, na Cidade da Criança, a partir das 16h. Não haverá reserva e nem retirada de ingressos. O acesso a Cidade da Criança é no valor de R$ 2,00 (dois reais).

Sob a regência do maestro Linus Lerner, responsável também pela direção artística, o especial Dia das Crianças conta com músicas que fazem parte da trilha sonora de filmes e também de diversos desenhos animados como Tom & Jerry, Pica Pau, Pernalonga e outros. A programação promete mexer com a imaginação das crianças de hoje e com a memória de quem já passou por essa fase. Dentre as obras que integram o programa, estão: Toreador do compositor Georges Bizet; Fada açucarada - uma das famosas composições de Tchaikovsky - a obra faz parte de um dos maiores e mais reconhecidos ballets, o Quebra Nozes.

Tem também a peça Mercado Persa, de Albert Ketèlbey que, no momento de sua execução, contará com a presença de um narrador apresentando o funcionamento da orquestra e explicando como cada instrumento, ou família de instrumentos, participa para que a música aconteça dentro de uma sinfônica. Em outro momento durante o espetáculo, o maestro Linus vai convidar uma criança da plateia e mostrar de forma lúdica, qual a função do regente no concerto. A criança escolhida será regente por um dia e terá a oportunidade de conduzir a OSRN para o público. Um verdadeiro intercâmbio de conhecimento e experiência entre plateia e músicos.

Para os amantes do cinema, a Orquestra traz ao palco uma das maiores trilhas sonoras da sétima arte, a música tema de Guerra nas Estrelas (Star Wars), composta por John Williams. Outras que não podem faltar neste especial, são: a famosa Can Can de Jacques Offenbach; Czardas, canção do italiano Vittorio Monti (baseada no folclore húngaro) e, trazendo um belo toque brasileiro, a OSRN apresenta ainda de um jeito todo especial, Garota de Ipanema de Tom Jobim e Vinícius de Moraes e, Cantiga de Roda do compositor e regente pernambucano, Clovis Pereira.

O especial é em comemoração ao Dia das Crianças, e a OSRN convida a todos, independente da idade, para compartilhar deste momento de alegria, troca de conhecimento e música erudita, afinal, ela está presente em todas as épocas da vida.

Patrimônio Cultural do RN

A Orquestra é patrimônio cultural do RN e conta com a presença de 60 músicos. O grupo ensaia diariamente na Cidade da Criança e tem o Governo do Estado do Rio Grande do Norte como seu principal mantenedor. A temporada 2019 conta com o patrocínio, via incentivo fiscal, da Companhia Energética do RN (Cosern) e Instituto Neoenergia, por meio da Lei Câmara Cascudo, da Unimed Natal, Hospital do Coração e Prefeitura do Natal, por meio da Lei Djalma Maranhão. O projeto Movimento Sinfônico é uma realização da OSRN, Fundação José Augusto e MAPA Realizações Culturais e conta ainda com o apoio do Teatro Riachuelo Natal, Opus Promoções, Galeria Fernando Chiriboga, G7 Comunicação, Wish Natal Exclusive Resort e dos Restaurantes: Camarões Potiguar, La Cachette e Poti Restaurante.

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)

2º Fórum de Atualização abre Semana do Médico 2019; são mais de 5.500 profissionais no RN

Imprimir
PDF

foto_divulgacao

Nesta sexta-feira, 11, na Associação Médica do Rio Grande do Norte, inicia o 2º Fórum de Atualização Médica do RN, cujo tema central "Avanços Tecnológicos e Humanização da Medicina" abre a programação da Semana do Médico 2019.

O Fórum acontecerá também no sábado, 12, e o objetivo das entidades médicas é capacitar os profissionais potiguares, das áreas pública e privada, nos temas mais exigidos no momento, como dengue e chikungunya, sarampo, fibromialgia, intestino irritável, estimulação elétrica, doença de Parkinson, Medicina da família e medicina hiperbárica, incluindo seus avanços e novidades terapêuticas.

O Rio Grande do Norte conta hoje com mais de 5.500 médicos e de acordo com o coordenador científico do evento, Dr. Levi Jales, "a atualização médica trata-se de um compromisso com o paciente e um desafio, diante dos intensos avanços da Medicina. É uma cultura de capacitação continuada que deve começar entre os graduandos e acompanhar toda a carreira médica", destaca Dr. Levi.

Os médicos de todas as especialidades terão isenção nas inscrições e os acadêmicos de Medicina "valor simbólico". As inscrições serão realizadas pelo telefone (84) 3219-6611 ou pelo link: bit.ly/33feO2M.

"A percepção da vida através das marcas"

Outra entre as principais temáticas abordadas no evento será a relação dos médicos com o universo do marketing, tão evidente nos dias atuais. A palestra magna "A percepção da vida através das marcas", às 19, desta sexta-feira, promete conjugar dois meios peculiares, como são mídia e Medicina.

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)

Profissionais da CASACOR Rio Grande do Norte recebem premiação pela edição 2019

Imprimir
PDF

Jornalista_Luza_Ribeiro_na_apresentao

Uma noite de expectativa e celebração. Assim foi a premiação da edição CASACOR Rio Grande do Norte nesta quarta-feira (09), no Olimpo Recepções. A festa para profissionais e fornecedores revelou os vitoriosos da 5ª edição no Estado.

A premiação dos ambientes aconteceu durante um jantar, com os franqueados Cesar Revorêdo e Luciano Almeida. A jornalista Luíza Ribeiro foi a mestre de cerimônias e contou com a ajuda do arquiteto Thyago Dantas. De forma descontraída, os vencedores foram anunciados com abertura de envelopes e entrega do troféu por representantes dos fornecedores da Mostra.

Entre os ambientes premiados estão: Lounge de recepção, projetado pela arquiteta Lorena Azevedo, que levou o prêmio de 1º Lugar em Finalização. A Cozinha Deca, criada pela arquiteta Samara Gosson recebeu o prêmio de Melhor Projeto Luminotécnico. O ambiente Estúdio Pedra foi o Melhor Uso da Arte, Design e Artesanato, criado pelas arquitetas Gracita Lopes e Sheila Lopes, que também levaram o prêmio de Projeto Destaque do Júri Técnico. O prêmio de ambiente de Maior Uso Tecnológico foi para a Varanda das Dunas, projetado por Renata Matos, ganhadora também do prêmio Projeto Destaque pelo Júri Imprensa. O prêmio originalidade foi para a Casa Eva, projetado pelo arquiteto Matheus Bulhões. O Restaurante, criado pelo arquiteto Renato Teles levou o prêmio de Melhor Projeto Comercial de Uso Público. O prêmio projeto Planeta Casa foi para o Living do Explorador, projetado pelos arquitetos Rita Ribeiro e Rodrigo Gurgel. A arquiteta Marília Bezerra, que criou o ambiente Teto Afeto, foi a grande vencedora do prêmio Projeto Destaque, escolhido pelo júri popular. A recepcionista do Living do Explorador, Kasylla Leite, foi escolhida como a melhor de 2019. E o título de fornecedor do ano foi para a loja Officina Interiores, de Renato Raposo.

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)

RN contabiliza média de 1,2 amputações diária por falta de assistência ao paciente pé diabético

Imprimir
PDF

coletiva_Cremern

O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Norte – CREMERN reuniu a imprensa na manhã desta quinta-feira (10) para uma coletiva sobre a assistência ao paciente pé diabético no Estado e também para comentar sua posição diante da possibilidade do fechamento do Hospital Ruy Pereira, única unidade de atendimento aos pacientes vasculares do RN.

O presidente do CREMERN, Marcos Lima de Freitas, deu início à coletiva fazendo uma explanação do relatório, elaborado pela Câmara Técnica de Cirurgia Vascular do CRM, que mostra o quanto os pacientes vasculares precisam de atenção. Estima-se que o RN possua 350 mil diabéticos, sendo que 280 mil dependem da rede pública. Em 2018, o Hospital Ruy Pereira realizou 1.363 cirurgias, sendo desse total 242 amputações 'maiores' (ao nível da coxa e perna), refletindo uma média de 4,6 amputações por semana. Só este ano já foram realizadas 1.737 cirurgias até setembro, e estima-se que até o final do ano serão realizadas mais de 400 amputações maiores com uma média de 8,5 amputações por semana. Também só em 2019, dados revelam um aumento de 121% no número de atendimentos ambulatoriais pela Cirurgia Vascular no Hospital Rui Pereira.

O fluxo de regulação de pacientes com pé diabético e isquemia crítica, feito pela Central Estadual de Leitos está inefetivo, pois os ambulatórios do Hospital Ruy Pereira não funcionam 24 horas por dia, além do hospital não possuir pronto-socorro 24 horas. Assim casos que precisam de uma avaliação mais imediata acabam tendo que esperar para o dia seguinte, ou no caso de final de semana, a espera pode ser de até 48 horas", afirma Dr. Marcos Lima de Freitas.

De acordo com a Câmara Técnica, para tornar o tratamento adequado e digno à população, será necessária a criação de uma unidade hospitalar para atender os pacientes com isquemia crítica, sendo a mesma responsável pela realização de exames diagnósticos invasivos e pela revascularização dos membros, visando assim diminuir a grande quantidade de pacientes amputados no Estado.

"Para conseguir atender o grande número de pacientes que se apresentam atualmente com esta condição, tal unidade deveria ser responsável por: 15 arteriografias por semana; 10 angioplastias por semana; 05 cirurgias de revascularização (by-pass) por semana e contar com 30 leitos de internação, além de possuir retaguarda de 12 leitos de UTI", argumenta Dr. Davi Valério Damasceno, membro da Câmara e da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular – SBACV – RN.

Um dado que foi revelado e que chamou atenção durante a coletiva é que, através de um levantamento feito pelo CREMERN, no setor de cadastro das pessoas jurídicas da instituição, diversos hospitais públicos na capital e no interior do Estado não têm alvarás do Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária. "Fechar o Hospital Rui Pereira e pulverizar esses pacientes sem uma estrutura que cumpra as recomendações desse relatório, apenas agravará a assistência", revela a diretoria do Cremern.

De acordo com o CREMERN, todas as medidas cabíveis e necessárias serão tomadas para estruturar a assistência ao paciente com pé diabético e em situação de isquemia crítica, em benefício da população e da boa prática da medicina.

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)