Banner

Estadual

Pane causa problema na Tim de todo o Estado

Imprimir
PDF

Durante o final da manhã de ontem até o início da tarde, usuários TIM tiveram dificuldades para completar ligações e efetuar outros serviços, além disso algumas funções dos celulares ficaram indisponíveis. De acordo com clientes da operadora, o problema foi percebido por volta das 11h45 e somente após às 13h o serviço foi normalizado.

Segundo informações repassadas pela assessoria de imprensa da empresa, a interrupção no sinal foi causada por um problema técnico de transmissão entre os estados de Pernambuco e o Rio Grande do Norte.

Conforme as explicações, um cabo de fibra óptica rompeu, o que causou a pane nos equipamento de computação, impedindo, assim, a transmissão das informações necessárias ao RN. Todavia, a assessoria informou ainda que ontem mesmo os serviços de dados e voz no RN já foram completamente restabelecidos.

EdipoNatan_1950x300px

Comentários (0)

Servidores estaduais não chegam a acordo e continuam greves

Imprimir
PDF

As quatro categorias de servidores estaduais que estão com as atividades paradas não receberam uma boa notícia na tarde desta quarta-feira.

O governo do estado, por meio de um ofício enviado à Assembleia Legislativa, informou que não tem condições de atender as reivindicações dos policiais civis - que estão em greve há 50 dias -, professores - mais de dois meses parados -, Uern e técnicos da Secretaria de Tributação.

A justificativa descrita no ofício, assinado pelo chefe da Casa Civil, Paulo de Tarso Fernandes e pelo secretário de Administração, Anselmo Carvalho, é de que o estado ultrapassou o limite total da despesa com pessoal, concedido ao Poder Executivo. Diante de tal posicionamento, os grevistas afirmaram que a paralisação continua por tempo indeterminado.

EdipoNatan_1950x300px

Comentários (0)

Nova onda de greves no estado

Imprimir
PDF

A ressaca do feriadão atinge hoje boa parte dos potiguares com a greve em dez setores da administração direta e indireta do Estado, entre elas a paralisação dos servidores da Educação e o indicativo de greve na Saúde.

Até o fim da semana, policiais civis também podem engrossar o coro grevista caso o Governo do Estado mantenha a posição de "descumprimento" do acordo com a categoria. Policiais e bombeiros militares promovem assembleia hoje para deliberarem os rumos da negociação com o Governo. E também podem se juntar aos bancários, já em greve desde a semana passada.

Servidores da Emater, Idiarn, Detran, Fundação José Augusto, Idema e os de nível superior e técnico das secretarias de Agricultura, Serviço Social, Controladoria e técnicos de Tributação, estarão reunidos às 8h30 de hoje em frente à Secretaria de Agricultura (Centro Administrativo) para discutir os próximos passos da greve.

EdipoNatan_1950x300px

Comentários (0)

UFRN entre as 100 melhores da América Latina

Imprimir
PDF

O Rio Grande do Norte ocupa posição de destaque na educação superior da América Latina. Isso porque em ranking divulgado nesta terça-feira (4) pela QS (Quacquarelli Symonds), do Reino Unido a Universidade Federal do Rio Grande do Norte aparece entre as 100 melhores universidades da região, ocupando a 97ª colocação.

A USP lidera com 100 pontos, a pontuação máxima. Nas cem primeiras do ranking aparecem 31 universidades do Brasil. Em seguida estão Argentina (19), México (15), Chile (14), Colômbia (8), Venezuela (4), Peru (3), Costa Rica, Cuba, Porto Rico, Equador e Uruguai (1).

EdipoNatan_1950x300px

Comentários (0)

Estado deve passar por nova onda de greves

Imprimir
PDF

O Rio Grande do Norte poderá passar por mais uma onda de greves nas próximas semanas. Pelo menos 10 categorias podem iniciar movimento grevista.

As primeiras a resolver foram o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Ambiental (Idema) e a Fundação José Augusto. No último dia 26 foi a vez dos servidores do Instituto de Defesa Agropecuária do RN (Idiarn) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran) anunciarem que também voltarão à greve, quarta-feira. Quinta-feira (29), os trabalhadores da Empresa de Pesquisa Agropecuária (Emparn) engrossaram a retomada da greve.

Quem também resolveu entrar em greve a partir da semana que vem foram os técnicos das secretarias estaduais, lotados no Centro Administrativo, em Natal. Outras categorias também ameaçam entrar em greve caso o Governo insista em descumprir o acordo quanto ao pagamento do restante das parcelas dos Planos de Cargos e Carreira.

A população está preocupada e não se vê muita resolução para os trabalhos desenvolvidos pelo estado para solucionar os problemas do funcionalismo estadual.

EdipoNatan_1950x300px

Comentários (0)